Menos CO2

O impacto ambiental na produção do polímero de base PLA é muito baixo.

As emissões de CO2 são de fato notavelmente inferiores em relação àquelas dispersas na atmosfera durante o processo de produção das outras fábricas sintéticas.

Notas - Ingeo: Vink, ETH et al. Eco-perfis da produção atual e, para o futuro previsível, ácido polilático (PLA) da NatureWorks. Volume Biotecnologia Industrial 3, Número 1, 2007, p. 58-81. - Polímeros PlasticsEurope fóssil www.lca.plasticseurope.org - Fatores GWP100 [Potencial de Aquecimento Global: GWP] de acordo com o IPCC [Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática] CO2 = 1, CH4 = 23, N20 = 296).

ConLeaf reduz as emissões de CO2, mas não só. A sustentabilidade do fio é também derivada de uma menor utilização de energia já na fase primária de produção do polímero. Na verdade Ingeo ™ , o polímero de partida com o qual o fio é feito com CornLeaf, é produzido com menos custos de energia, em comparação com outras matérias-primas comumente utilizadas na indústria.

Ainda uma outra vantagem é que a produção do polímero PLA consome menos energia.
Bio polymer Cornleaf CO2 Footprints